Manual da cutícula feliz!

Manual da cutícula feliz!


Ensaiei escrever este post várias vezes no ano passado, mas acabava nunca fazendo. Agora vai! 😀

Você, amiga, que é escrava do alicate de unhas, que não pode ver uma pelinha levantando na ponta dos dedos, que arranca nem que seja no dente… este post é pra você!

As pessoas costumam me perguntar como faço pra manter as unhas sempre em ordem, e principalmente como eu consigo a proeza de não tirar as cutículas, e mesmo assim ter as unhas bonitas. Eu explico: aprendi a conviver bem com elas!

Não que entre nós já tivesse havido alguma animosidade, pelo contrário, nunca entendi bem porque as pessoas cometem tanta violência contra as coitadas das cutículas, se elas estão lá para proteger as unhas. Fato é que acho que só tirei as minhas uma vez na vida, e lembro de ter odiado a experiência.

Sempre tive aflição de outra pessoa mexendo nas minhas unhas, então eu corro longe de manicures e faço sempre as bonitas sozinha. Estou agora numa fase de não usar esmaltes, mas nem por isso eu descuidei de deixar tudo em ordem, lixado, hidratado e bem apresentável (até porque trabalho com as mãos!). Mas você pode conferir como eram minhas cutículas mesmo com uso intenso de esmalte aqui e aqui.

Então vamos para o nosso manual, pra você chegar lá também!

1. Entenda pra quê serve uma cutícula

Você vê uma francesinha linda, né? Eu vejo dedos mutilados :/
Você vê uma francesinha linda, né? Eu vejo dedos mutilados :/

Resumindo a utilidade das cutículas em uma palavra no bom e claro português: PROTEGER.

Sim, a sua cutícula está lá para de proteger do mal. E não para ser roída, arrancada, mordida, cortada, pintada, odiada, hostilizada, e tratada com tanta ingratidão. #drama

A cutícula é a fina pele que protege a base de suas unhas da entrada de fungos, sujeira, bactérias e outros tipos de males, preservando o formato e a qualidade das suas unhas. Percebeu como ela tem toda uma razão de ser? E é uma razão muito nobre, uma questão de saúde.

Por isso mesmo, a retirada das cutículas está relacionada a uma série de problemas nas unhas, como enfraquecimento, descamação, e até infecção por fungos e bactérias, chegando a casos graves, como o contágio de hepatite :/

2. Trabalhe seu psicológico

É isso mesmo, bonitona.
É isso mesmo, bonitona.

Agora que você já sabe a função e de quebra te dei alguns motivos pra repensar seu hábito de mutilar os dedos, é hora de levar em conta um detalhe que muita gente neglicencia: o psicológico.

Conheço muita gente que desconta as frustrações, a raiva, a ansiedade, a fome e toda sorte de sentimentos na ponta dos dedos. Seja roendo as unhas, seja roendo as cutículas, seja andando com um alicate na bolsa o tempo todo pra ficar arrancando as pelinhas. Sério. Muito sério. Seríssimo.

Pode parecer besteira, ou coisa pequena. Mas se você não consegue se manter longe destes costumes auto-destrutivos, ou isso lhe causa sofrimento e incômodo, procure ajuda de um psicólogo. Tenho certeza que não são só suas cutículas que sofrem, muitas vezes aparecem uma série de outros sintomas, como queda de cabelo, problemas no estômago, e por aí vai.

Às vezes a compulsão por arrancar as cutículas é só a ponta do iceberg de um problema maior e que merece atenção :/ Pense bem com carinho e sinceridade se esse pode ser o seu caso, e não se sinta mal em procurar a ajuda 🙂

3. A chave de tudo é a hidratação

O segredo do sucesso!
O segredo do sucesso!

Tudo que suas cutículas precisam, além de compreensão e carinho, é hidratação! ♥

Quanto mais hidratadas, mais bonitas elas ficam, e mais saudáveis também 🙂

No começo, quando você parar de cortar/roer/mutilar elas ainda vão crescer mais do que você gostaria, e vai dar vontade de continuar o ciclo de corte. Mas persista no hidratante e apenas empurre de leve os excessos com uma espátula, para retirar somente a pele morta. Atenção, eu disse DE LEVE.

Com o passar do tempo, elas vão parar de crescer descontroladamente, e você só precisará manter a hidratação. Isso vale principalmente para as moças que trabalham de luvas, ou manuseiam produtos químicos que ressecam as mãos. Mantenha um creminho hidratante na bolsa pra aplicar nas mãos e unhas durante o dia. E aplique também antes de dormir.

No mercado há muitas opções, como ceras, cremes, canetas, etc. para todos os bolsos e gostos 😉

E basicamente, é isso!

A sua manicure muito provavelmente vai chiar, e dizer que a unha só fica bonita sem cutícula (já vi muitas me dizerem isso). Mas resista. Tenha em mente que é uma questão de saúde, antes de tudo.

Sei que pra quem está acostumada com os alicates é difícil mudar o hábito, mas não desista, vale à pena 😉

Se eu ainda não te convenci a parar de tirar as cutículas, veja isso.

Agora que eu tenho fé que você entrou pro time, aqui tem um ótimo passo a passo sobre como fazer a transição.

Por fim, um relato real, pra te incentivar, aqui.

Beijos, amores, e até a próxima! 😀

Shampoo radiant red colour protecting John Frieda

Shampoo radiant red colour protecting John Frieda


Hoje o post é de interesse extremo das ruivas! Tanto as naturais convencidas como eu, quanto as tingidas, sabem (as tingidas principalmente!) que é uma cor linda porém exige muitos cuidados. E não pensem que só porque não pinto de ruivo que a cor fica sempre bonita sem esforço algum! Pelo contrário. Meu cabelo é sensível, queima fácil com o sol e fica meio loiro estilo californianas, meio laranja. Nada contra, até curto muito, porque acho super diferente 😀 Mas é sempre bom ficar de olho e tratar com carinho, pra que ele não fique com aspecto manchado :/

IMG_20140211_090412

Esse shampoo ganhei de presente (thanks, Isa! :D) mas antes de ter o blog já havia comprado e usado ele e o condicionador e adorado ♥

Segundo consta na embalagem:

“Shampoo with enhanced anti-fading technology, gentle formula preserves vivid red colour and magnifies shine. Attracts light and amplifies tones to transform red hair.”

Tradução livre/tosca: “Shampoo com tecnologia anti-desbotamento reforçada, fórmula suave que preserva a cor vermelha vívida e amplia brilho. Atrai a luz e amplifica os tons para transformar o cabelo vermelho.”

Não sei como funciona essa questão do cabelo atrair a luz, mas com certeza aumenta o brilho. Não posso afirmar com certeza sobre a redução do desbotamento, mas posso dizer que limpa bem, embora tenha a fórmula suave. Acredito que deva desbotar menos que um shampoo normal, no caso do tingimento.

IMG_20140211_090513

Vejam só, o shampoo é do tipo transparente, que promove melhor limpeza, porém é pigmentado, tem um tom de vermelho translúcido. Essa cor não chega a interferir no tom dos cabelos (o meu é de tom acobreado, e não vermelho), mas acho que com o uso contínuo (principalmente do combo shampoo+condicionador) a cor ficou mais rica, um pouco mais viva e mais brilhante, sabe? Parecido com o efeito de um banho de brilho, mas sem alterar a cor ou o tom original.

Como não amar? ♥

PhotoGrid_1392163774694

Foto do rótulo, onde contém os ingredientes. E não, ele não é sem sal embora tenha a fórmula suave. Sinceramente, não notei ressecamento dos meus fios por conta disso.

Agora vem a parte ruim de tudo: não vende no Braseeel. Tipoassim: estou calejada de ir a farmácias e perfumarias (aqui de São Luís-MA), e até sites especializados, e ver as linhas Sheer Blonde, Go Blonder e Brilliant Brunette pra vender, enchendo as prateleiras (a preços abusivos, por sinal). Só nunca encontrei a linha pra ruivos. Qual é o preconceito problema? Antigamente algumas marcas mais acessíveis, como a Seda e a Palmolive tinham linhas para cabelos vermelhos naturais ou tingidos, e era só alegria, me sentia incluída no mercado capilar, sabe? Só que depois de alguns anos essas linhas simplesmente SUMIRAM e faz muito tempo que não surge algo bom no lugar. Só se vê linhas pra desamarelar loiro :/ Nada contra loiras, mas a indústria não anda sendo NADA democrática neste sentido #desabafo  Vocês ruivas também se sentem assim excluídas e carentes de linhas nacionais e BOAS? Acho que as acobreadas, principalmente 😥

Bom, agora que meu coraçãozinho está mais leve, fica a dica: quem for viajar pro exterior, aproveite e traga a muamba compre! 😉 Pra terem noção, custa R$8,24 no Amazon e com frete grátis! E aqui já vi produtos dessa linha sendo vendidos a R$70,00. Sem comentários…

Mais alguém já usou? Conhece o condicionador também? Sabe onde venda no Brasil? Quero saber nos comentários 😀

A linha Prélude S. de Eudora

A linha Prélude S. de Eudora


No final do ano passado a Eudora lançou uma linha nova, focada no ritual de beleza feminino que precede aqueles momentos safadjeeenhos de sedução a dois. Toda essa proposta de se cuidar, se sentir mais feminina, confiante, bela e sexy me chamou bastante atenção, dada certa carência do mercado nesse aspecto. Hoje mostro pra vocês a linha Prélude S. 🙂

DSC01862 (1024x902)

 

Da esquerda para a direita: hidratante siliconado premium, deo colônia e óleo de banho esfoliante premium. Recebi todos pra experimentar. Vou falar deles na ordem de uso, ok?

Prélude quer dizer prelúdio, prólogo, prefácio, aquilo que vem antes. E justamente o conceito é de produtos que você usa quando vai se preparar para um momento especial.

Primeiro o óleo esfoliante, já que tudo começa no banho. Segundo a marca:

“Açúcar natural que esfolia e elimina as impurezas. É tão suave que dissolve durante o uso. Hidrata e deixa a pele irresistível para ser tocada.”

DSC01876 (1024x768)

Ele consiste numa calda de óleo hidratante que vem com açúcar natural dentro. Ao ser massageado no corpo, o açucar se dissolve (tem que massagear mesmo, viu?) fazendo uma esfoliação mais pesada, mas deixando a pele super macia, por causa dos óleos. O banheiro e tudo mais vai ficar super cheiroso, e você precisa se enxaguar bem depois de fazer a esfoliação, ok? Se na sua infância tinha talco e sua mãe não te passou a açúcar, essa é sua oportunidade de reparar o problema, hahahaha (não resisto às piadinhas infames).

PhotoGrid_1384818778996

 

 

O pote tem essa tampa que abre sem precisar rosquear, o que seria bem difícil com as mãos impregnadas do óleo. Vem também essa espátula pra retirar o produto sem precisar atolar colocar as mãos no açúcar e tudo mais.

Aquele momento do banho em que você pensa: "agora eu fiquei doce, doce, doce..."♪♫
Aquele momento do banho em que você pensa: “agora eu fiquei doce, doce, doce…”♪♫

Um close na textura pra vocês terem noção do grau de esfoliação proporcionado. Vou contar que deixa o banho delicioso. Acho super relaxante, adoro esses rituais de banho, principalmente tão cheirosos 😀

Bom, as então você termina o banho e…. Vai passar um hidratante né! Principalmente depois de uma esfoliação. O que Eudora diz sobre o hidratante da linha:

“Fórmula exclusiva, altamente siliconada, com rápida absorção. Sensação de segunda pele que impressiona ao primeiro toque.”

PhotoGrid_1384819244240

Chegamos ao meu produto favorito da linha, de longe. Esse hidratante é diferente de todos os outros que eu já tinha usado. Ele é transparente e parece um silicone mesmo, e daqueles de cabelo. Mas é incrível como a pele absorve rápido e fica MUITO MACIA. Gente, parece um tecido, realmente uma segunda pele. Passar a mão sobre a pele limpa e sobre a pele com ele tem uma diferença gritante :O Dá vontade de ficar se passando a mão!

A embalagem possui uma válvula pump fina, que libera uma quantidade razoável de produto. Mas como ela não fica de pé, durante o processo de se besuntar hidratar, senti falta de um apoio pro tubo não ficar escorregando das mãos >.<

Por fim, a deo colônia Prélude S., que tem uma embalagem super bonitona e phyna. Palavras do fabricante a respeito:

“Instigante, combina a doçura única do mel com um bouquet floral envolvido na transparência das madeiras brancas e no aveludado musk. O toque final do seu ritual de preparação.”

É uma fragrância doce e quente, tem um cheiro que me lembra bastante mel nas notas de saída e me faz pensar um pouco em leite (mesmo sem parecer cheiro de leite, vai entender, mas eu penso, hahaha. Cada um tem uma experiência olfativa :P). Segundo a Eudora, foi feita uma pesquisa com a ala masculina, e a grande maioria dos homens gosta desse cheiro.

DSC01869 (768x1024)

Não sei como vocês entendem “doce e quente”, mas é uma sensação bem diferente do doce mais frutal do Satin Rouge, por exemplo, (aquele que eu resenhei aqui e disse que gela a ponta do nariz!). O fundo de madeiras brancas e musk dá um acabamento realmente aconchegante e adulto ao perfume.

Todos os produtos da linha têm a mesma fragrância. No perfume ela fixa bem, em torno de umas 6 horas. Depois disso fica beeeem fraquinho.

Achei a proposta de poder fazer o ritual completo bem bacana, e mesmo sendo voltada para os momentos a dois, nada impede que você faça pra si própria, aquele ritual pra se sentir bem consigo 🙂

A deo colônia custa R$77,90 preço que considerei justo, pelos 100ml. No óleo de banho esfoliante você paga R$59,00 por 250g, o que já não me apeteceu tanto. É um pote de tamanho razoável, mas sou a favor de uma versão menor e mais em conta, tanto pra incentivar a experimentação quanto porque não é um produto que eu vá usar com muita frequência, dado o poder de esfoliação. Adorei, mas se fosse comprar, seria uma hipotética versão menor, já que gosto de ficar alternando com outros mais suaves. Pra quem curte usar sempre o mesmo, é bom negócio.

Por fim, o hidratante siliconado pode ser adquirido por R$45,90 dilmas. Chorei em posição fetal no cantinho do quarto por essa pequena fortuna num tubo de apenas 100ml, que na minha mão não duraria 10 dias se eu fosse rhyca e usasse apenas ele. Eu sei que a matéria prima é nobre, que o produto é muito bom e phyno, que o hidratante é premium, como eles chamam, mas dói no bolso. O tubo que ganhei estou alternando com outros, porque vai doer quando terminar.

Se fosse recomendar um dos 3 itens pra vocês experimentarem, sem dúvida seria o hidratante. É uma maneira de usar a fragrância mesmo pra quem não curte muito cheiros doces, porque depois que a pele absorve não fica forte.

Alguém mais já experimentou? Ficou curioso(a)? Afinal é pras mulheres usarem, mas os homens também podem usufruir… hehehe! Rapazes, é também uma dica legal de presente pra namorada/esposa/ficante/amada 😉

Manual: organizando a necessaire para viagens

Manual: organizando a necessaire para viagens


Como foram de ano novo? Espero que muito bem 😀

Janeiro começando com tudo e muita gente curtindo as férias. Mesmo quem não está oficialmente de folga acaba dando um jeitinho de relaxar no final de semana, né? Pensando nas viagens curtinhas típicas desse período – ou mesmo as mais longas -, resolvi montar um post com dicas pra arrumar a necessaire de verão pra poucos dias, mas que acaba sendo útil também pra quem não vai só escapar pro finde na praia 😉

PhotoGrid_1388722118220

 

Essa foto foi a primeira de 2014. Postei no meu instagram (segue lá! @laiza_abreu) e agora todo esse sharme dos meus pés na rede vem ilustrar o post! Hahaha!

Começando com os itens essenciais, seja qual for o seu destino:

  • Higiene bucal: escova de dentes, creme dental, fio dental, enxaguante bucal, acessórios ortodônticos (se for o seu caso);
  • Higiene pessoal: sabonete corporal, sabonete facial, desodorante, absorventes (nunca se sabe!), shampoo e condicionador, pente/escova;
  • Cuidados pessoais: hidratante corporal, protetor solar (facial e corporal!), perfume, produtos capilares (leave in, reparador de pontas, etc.), lâmina e/ou depilador;

Se os indispensáveis já enchem a bolsa, considere, conforme o caso levar alguns itens adicionais:

  • Remedinhos para momentos de sufoco: analgésico (daqueles simples, pra cólica ou dor de cabeça), antiácido (nunca se sabe quais serão as experiências gastronômicas, então leve pelo menos um daqueles efervescentes pra aliviar má digestão), remédio pra enjoo (já me salvou numa travessia de balsa, ou pra longos períodos no carro), remédio pra dor de barriga (sim, pode acontecer de você ter aquele piriri no meio da noite e ninguém poder te arrumar um remédio, já pensou?), remédios para condições especiais que você tenha (eu, por exemplo, sempre ando com meu antialérgico e alguma lactase na bolsa, já que são problemas recorrentes pra mim).
  • Kit S.O.S. unhas: acetona/removedor e algodão ou aqueles lencinhos removedores de esmaltes, lixa de unhas (muuuito útil!), alicate, base e hidratante de cutículas. Caso alguma unha quebre, ou sua manicure estrague e você necessite de mãos apresentáveis, esse kit vai te ajudar a ficar minimamente digna 😉
  • Kit primeiros socorros diversos: curativos band-aid, se você sabe que vai fazer caminhadas leve protetores ou pomadas para calos, se vai pegar sol, algo para queimaduras solares.
  • Os renegados que fazem falta: cotonetes, mini-lanterna, grampos e elásticos para cabelos (bad hair day longe de casa, do secador, e da chapinha pode render bons coques e tranças), espelho de mão/bolsa, sacolinha ou bolsa plástica pra guardar a roupa suja/molhada separada na mala, tesoura (acreditem, pode ser muito necessária), agulha e linha, lenços umedecidos (aquelas embalagens de bolsa pequenas, sabe?), álcool gel, pinça.

Pode parecer que você vai levar uma mala inteira de tralhas em vez de uma pequena bolsa, né? Mas é neste ponto que entra o tipo de embalagem e volumetria mais adequados. Para poucos dias, prefira sempre as miniaturas ou coloque produtos como shampoo, condicionador, hidratante e acetona em frascos menores, daqueles tipos travel size encontrados em farmácias e supermercados.

Algumas sugestões que facilitam a organização:

Sem título

  1. Sabonete líquido – Protex;
  2. Kit Viagem – Colgate;
  3. Lenços umedecidos – Ricca;
  4. Kit 3 passos de cuidados faciais travel – Clinique;
  5. Lixas de unha – Tweezerman;
  6. Pinça – Tweezerman;
  7. Lenços removedores de esmalte – Impala;
  8. Kit para de cabelos – Charming Cless;
  9. Bloqueador solar facial Ultra Sheer FPS 70 – Neutrogena;

Para as maquiagens, vale conferir as dicas que eu dei no Manual de como se maquiar no carro na parte de organização. Mas vou repetir algumas e complementar:

  • Se você sabe que haverá alguma programação em que vai precisar estar bem arrumada e maquiada, leve aqueles itens que já dão um glamour instantâneo, como o batom vermelho ou uma sombra brilhosa e baphônica para um olhão destacado;
  • Os produtos 2 ou 3 em 1 são ótimas pedidas!
  • As versões mini de batom, blush ou outros itens que você tiver são as melhores pra levar;
  • Fuja do pó solto, a não ser que seja muuuito necessário ou que a embalagem seja muito segura e resistente.
  • Se você pretende comprar cosméticos na viagem, leve o mínimo do mínimo, pra dar espaço às novas aquisições;
  • Não esqueça o demaquilante ou lenços removedores de maquiagem!

Imaginando a possibilidade de precisar me arrumar, mas levando pouca coisa, montei uma listinha das makes que levaria:

  • 02 máscaras: uma preta e outra incolor (uso nas sobrancelhas! Se não for seu caso, coloque seu produto de sobrancelhas aqui);
  • 03 lápis de olhos: um preto, um branco e outro colorido (se tiver daqueles de duas cores nas pontas, é perfeito!);
  • 01 trio ou estojo de sombras pequeno: aqui valem as cores básicas, marrom, preto e bege, com elas você faz qualquer coisa);
  • 03 batons: vermelho, rosa/cor de boca, colorido à escolha (é triste sair com a mesma cor de batom em todas as fotos, hahaha. Então 3 acho um número ótimo, pois você ainda pode misturá-los!);
  • 01 blush neutro;
  • 01 iluminador;
  • 01 corretivo de cobertura média/alta (acho mais versátil, pois dá pra diluir);
  • 01 base de cobertura média/alta (mesma versatilidade que o corretivo);
  • 01 pó compacto de cobertura média (pode dispensar o pó durante o dia, ou arrematar a base);
  • 01 demaquilante para olhos/rosto + discos de algodão;
  • 01 pincel de pó ou kabuki;
  • 01 pincel de sombra pequeno;
  • 01 pincel de esfumar;
  • 01 pincel chanfrado;

Ainda não é costume entre as marcas brasileiras, mas as gringas adoram um travel kit, como a MAC, a Benefit e Lancôme. Vale a pena dar uma olhada em sites como a Sephora, a Loosho, e a Sepha.

Mas eu adoraria um kit de miniatura baratex da Vult, Tracta, Avon, ou outra dessas marcas mais acessíveis. E que fosse personalizável! 😀 #ficaadica

A maior dica é tentar pensar/imaginar qual vai ser sua programação na viagem, pra coordenar as roupas e o que será preciso usar. Desse jeito você não leva coisas a mais e tem certa margem pra prever imprevistos e levar itens os adicionais 😉

Salve seu check-list no celular, tablet, ou anote à mão e confira na hora de fazer as malas! E também quando for voltar pra casa, pra não esquecer nada no destino.

Gostaram das dicas? Tem mais alguma pra compartilhar? Dividam nos comentários 😉

Entendendo o shampoo anti resíduos ou de limpeza profunda – parte I

Entendendo o shampoo anti resíduos ou de limpeza profunda – parte I


Muita gente lava os cabelos sem se dar conta do que realmente está fazendo. Eu mesma, tempos atrás, já usei alguns produtos que nem sabia direito o que de fato faziam com meus fios! E depois de começar a apresentar algumas reações alérgicas, comecei a sentir necessidade de pesquisar e entender como funcionam, e os modos de extrair o melhor deles.

Lavando-os-cabelos1

O shampoo de limpeza profunda foi um desses que usei de maneira errada :/ Na época, era muito nova e as informações não tão disponíveis. Mas mesmo hoje em dia ainda vejo pessoas cometendo os mesmo erros que eu fiz. Por isso, venho compartilhar a experiência e algumas dicas. O objetivo é ajudar! 🙂

Como são muuuitas informações, resolvi dividir o assunto em 3 posts. Assim não fica gigantesco e cansativo pra ler, né?

O nosso fio de cabelo é revestido por cutículas, também chamadas de escamas, que se abrem ou fecham conforme alguns fatores, como o ph e a temperatura. Alguns produtos agem abrindo bastante essas escamas, a exemplo dos shampoos e determinadas químicas, como alisamentos. Outros as fecham, como condicionadores, máscaras de hidratação e água fria.

Estrutura simplificada do fio de cabelo. Imagem retirada do google.

Os shampoos anti resíduos ou de limpeza profunda abrem bastante as cutículas dos fios, removendo a sujeira que, com o passar do tempo, vai se acumulando nos cabelos, incluindo a poluição e restos de produtos capilares que não saíram totalmente nas lavagens rotineiras. Esse acúmulo vai saturando a fibra capilar, que gradativamente se torna coberta por resíduos que formam uma espécie de “capa”  que impede o cabelo de absorver nutrientes e água, tornando-o pesado, sem vida, muitas vezes opaco e sem movimento.

Imagem retirada do blog Clube do cabelo e cia. É do post sobre os benefícios do vinagre de maçã para a cabeleira. Quem quiser conferir, é só clicar na imagem 😉

Até aí o shampoo de limpeza profunda parece a salvação dos cabelos detonados, né? Mas como nem tudo é perfeito, se ele for usado com muita frequência, causa a perda dos nutrientes e da oleosidade natural dos fios, deixando-os ressecados, frágeis e sem brilho. Em alguns casos, até bastante embaraçados, pois as escamas abertas dos cabelos fazem com que os fios se enrosquem uns nos outros mais facilmente, e os torna incapazes de refletir a luz, o que os deixa sem aquele brilho lindo que nós tanto queremos :/

No próximo post, vou falar sobre como usar corretamente o shampoo anti resíduos ou de limpeza profunda. Não perca! 😉