Resenha – Batons líquidos efeito matte Eudora: Nude Chic, Rosa Corada da Praia, Rosa Autentika e Vermelho Rio Intenso

Resenha – Batons líquidos efeito matte Eudora: Nude Chic, Rosa Corada da Praia, Rosa Autentika e Vermelho Rio Intenso


Nessa febre de batons líquidos com efeito matte que foi iniciada com os Velvetines da Lime Crime, várias marcas desenvolveram suas versões. Dentre as nacionais, a Eudora colocou 5 cores no mercado, das quais 4 eu vou falar pra vocês hoje. Só não comprei o laranja porque eu fico muito feia estranha com essa cor, não curto em mim, mas acho lindona em loiras e moças de pele bronzeada 😉

DSC05933 (1280x778)

De cima para baixo, temos o Nude Chic, Rosa Corada da Praia, Rosa Autentika e Vermelho Rio Intenso. Não são todos da mesma coleção, o nude e o Pink são da Coleção Autentika, e o rosinha e o vermelho são da Coleção Soul Radar Rio (com esses nomes desnecessariamente longos, sinceramente).

DSC05936 (1280x1005)

Os batons são chamados líquidos, mas a textura não é propriamente essa. Na verdade, são cremosos, um pouco consistentes, mas não tão fluidos a ponto de escorrer ou pingar do aplicador.

DSC05937 (1280x926)

Por sinal, o aplicador (e a embalagem como um todo) é igual ao dos glosses da linha Soul da Eudora, que mostrei aqui. Gosto muito desse formato com a ponta mais fininha e que tem tipo uma colherzinha, facilita a aplicação.

PhotoGrid_1425068971562

Nos lábios, as cores se comportam de maneiras um pouco diferentes. O Nude Chic é um pouco mais espesso que os outros, e bem pigmentado, o que torna sua aplicação bem fácil. É um tom de caramelo, que dependendo da luz puxa mais pra taupe/marrom, ou mais pra um marrom rosado. Sem dúvidas é um nude super democrático, adorei porque não me deixa com cara de doente/zumbi. Quando seca fica semi fosco, levemente acetinado.

Já o rosa corada da praia tem a pigmentação um pouco menor que o nude, e é um pouco menos espesso, sendo o que fica com acabamento mais matificado das  4 cores. Mancha um pouco, porém é fácil de aplicar. Ao vivo fica mais uniforme que nas fotos. É um rosinha fofo, de fundo frio e tonalidade clara, o que funciona muito bem pro meu tom de pele, mas tenho dúvidas se em morenas fica tão bom. Talvez sim, por ser um pouco menos pigmentado, o que faz com que ele se mescle ao tom natural dos lábios.

O rosa autentika é o mais pigmentado de todos (chega a tingir um pouco os lábios), e o menos espesso (mas nem por isso chega a ser líquido). Mancha na hora de passar, e precisa de 2 camadas finas para que fique uniforme. Fica com acabamento semi fosco quando seco. É um pink de fundo frio e meio neon, super chamativo. Uma cor linda e bastante democrática!

Por fim, o vermelho rio intenso é um vermelho sangue na embalagem, porém fica um pouco mais claro quando seca. É um tom curinga, fica bem em todo mundo e é levemente frio. Tem uma pigmentação um pouco fraca, sendo preciso 2 ou 3 camadas pra cobertura ficar uniforme. É o que mais mancha pra aplicar, dou até umas batidinhas com o dedo ou o aplicador pra amenizar, quando está quase seco. Por sinal, é o que demora mais pra secar, e mesmo seco tem acabamento acetinado (reparem que nas fotos é o que tem mais brilho).

PhotoGrid_1425068559610

Todos os batons possuem um cheirinho delicioso que lembra chiclete, e que vai sumindo à medida que o tempo passa. Não me incomodou, acho super gostoso 🙂

PhotoGrid_1425069218152

No braço é onde dá pra notar melhor a leve diferença de acabamentos entre as cores. O que também depende de quantas camadas você passa, é claro.

De maneira geral, eu gosto muito destes batons, possuem um preço bom, textura agradável, e não ressecam meus lábios. Mas aviso que é preciso estar com eles lisinhos e sem pelinhas pra que o acabamento fique bom, senão marca demais as linhas.

Se você espera algo super matte como um Velvetine ou um Ruby Woo, e um batom que não transfira quando você encosta em copos, guardanapos, bochechas, etc. estes batons vão te decepcionar. Eles resistem melhor que um batom cremoso comum, mas não aguentam uma refeição, e deixam algumas carimbadas por aí.

Porém, se você procura um batom líquido com textura leve e confortável, que deixe sensação de usar nada (não parece nada com gloss!), e se satisfaz com o acabamento semi fosco, vale à pena experimentar 😉

Paguei R$18 por unidade, e os produtos Eudora são adquiridos através de representantes.

E então, qual a cor favorita de vocês? Mais alguém tem esses batons? O que acham?

Top 5: vermelhos queridos

Top 5: vermelhos queridos


Passei por um pequeno drama pra escrever este post! Constatei que meus batons vermelhos mais queridos são na maioria edições limitadas, ou então já saíram de linha. Como fazer um post mostrando batons que vocês cobiçarão e em seguida me xingarão odiarão por não poderem ter também? :O Para não causar discórdia neste blog, resolvi não mostrar meus amados que já não podem mais ser adquiridos. Ou mostrar só um deles, tá bom? Hehehe.

Mas, pra quem quiser saber os que ficaram de fora por terem saído de linha, são eles: Vermelho, da linha Extralasting da Avon (hoje em dia só vende o Cereja e o Tomate, mas pra mim o Vermelho era a cor mais linda dos 3 vermelhos!); Classic Red batom em caneta da linha Sabrina Sato para Yes! Cosmetics (aquela fórmula era muito amor, e a cor lindíssima!). Eles estariam sem dúvidas na lista ♥

Outros vermelhos eu não coloquei por já ter mostrado, e como já falei quero novidade 🙂 Foi o caso do batom caneta da Avon na cor vermelho, que vocês podem conferir a resenha completa aqui.

Passada a introdução, vamos aos escolhidos! 😀

PicsArt_1396379229463

Ordem de preferência, da esquerda para a direita:

  1. Red Kiss – Eudora; (matte) R$14,90
  2. Ruby Woo – M.A.C; (retro matte) R$66,00
  3. Red Tomato – Sabrina Sato para Yes! Cosmetics; (cremoso) R$19,90
  4. Tomate – Extralasting Avon; (cremoso/alta duração) R$19,99
  5. Tentadora – Avon; (cremoso) R$19,99

PhotoGrid_1396378097250

PhotoGrid_1396377263602

Nos swatches no braço, a ordem é inversa: Tentadora, Tomate, Red Tomato, Ruby Woo e Red Kiss.

Agora vamos às comparações:

PhotoGrid_1396375855476Pra quem tem vontade de saber se o Red Kiss (antigamente chamava Diabolic Red) da Eudora é parecido com o Ruby Woo da MAC, aqui vai a comparação 🙂 São parecidos, sim, mas tem uma diferença essencial: o nacional tem fundo quente, e o importado tem o fundo mais azulado. Isso que faz com que eles sejam sutilmente diferentes 😉 No quesito fórmula também: o MAC é retro matte, ou seja, mega seco! Já o Eudora é matte, mas não tão seco assim. Ambos ficam foscos, mas o Red kiss é mais confortável de usar, por não ressecar tanto quanto Ruby Woo 😉

PhotoGrid_1396376955096

 

Red tomato é um vermelho aberto cremoso, sem cintilâncias, com toque laranja e que é super confortável de usar. Dependendo da luz puxa mais pro alaranjado ou pro vermelho puro. Fica lindo em todos os tons de pele 🙂

PhotoGrid_1396376538589

Tomate ficou bem laranja nas fotos, mas ele é um vermelho também, embora o mais alaranjado de todos os 5. É uma cor bem aberta e alegre, fica linda nas peles claras, porque pesa menos que o vermelhão. Uso nos dias em que quero um vermelho menos dramático e mais feliz, hahaha. A cobertura é construída em camadas, um pouco translúcida. Logo que se aplica ele é bem molhadinho e depois seca, ficando quase matte, dura mais que os batons cremosos e transfere menos que estes. Mas não chega a ser daqueles que só sai com demaquilante.

Já o Tentadora é um dos vermelhos mais lindos que eu tenho. A cor é quase um cereja rosado, mas ele muda muito conforme a luz e o tom de pele. E é muito curinga, vai bem em negras, mulatas, morenas, branquelas… (Se quiserem ver como fica em morenas, clique aqui, é uma make que fiz  numa formanda) É o mais pedido pelas minhas clientes 😀 A fórmula é cremosa e hidratante, super confortável, e não escorre. O chato é que transfere e não dura tanto nos lábios :/ Uma versão longa duração exatamente dessa cor seria um sonho! Agora o problema: ele foi edição limitada, vendido na coleção Ultra Sexy da Avon… Quem ficou querendo, fale com a marca no SAC ou nas redes sociais pedindo pra trazerem de volta! 😥

Gostaram da minha seleção de vermelhos? 😀

Continuei na linha dos BBB’s, mas era impossível deixar um clássico como o Ruby de fora, mesmo tendo o Red kiss na lista. Pra quem não está disposto a investir tão alto num batom, o Eudora substitui tranquilamente, e fica bem em todo tipo de pele. Além de ser um pouco mais confortável de usar 😉

Quais os vermelhos favoritos de vocês?

Para ver o top 5 de pinks, clique aqui.

 

 

DIY: tiara de flores de cetim

DIY: tiara de flores de cetim


Primeiro DIY (do it yourself, ou faça você mesmo) do blog! 😀

Desde que fiz esse post aqui com inspirações de cabelos pro ano novo fiquei  babando por uma tiarinha de flores pra chamar de minha *-* Não dessas estilo vaso de plantas na cabeça, algo mais delicado, sutil, menos hippie. Como sou chata não achei nada que me agradasse nesse meio tempo nas lojinhas virtuais da vida, resolvi fazer eu mesma, hahaha! E vou mostrar pra vocês como foi 😉

PhotoGrid_1394539549986

Resolvi não usar aquelas flores de plástico porque não achei das menores. Então comprei estas de cetim no armarinho (vende o pacotinho) e completei com umas estrelinhas cintilantes de nail art 🙂

Vamos lá!

PhotoGrid_1394538597996

Materiais:

  1. Cola quente;
  2. Apliques para nail art;
  3. Tesoura;
  4. Esmalte claro;
  5. Fita de cetim (fitilho);
  6. Flores de cetim;
  7. Arco de metal (comprei no armarinho também!);

PhotoGrid_1394538979333

  1. Meça três dedos no arco, a partir da extremidade dele. É a parte que fica atrás da orelha, e que não será enfeitada.
  2. No lugar medido, marque com uma gotinha de esmalte, em ambas as extremidades, pra ajudar no seu trabalho e não ficar torto!
  3. Coloque um pingo de cola quente, e fixe a fitinha de cetim na diagonal. Vire e cole a ponta para dentro e dê uma volta com a fita por cima, fazendo o acabamento.
  4. Vá enrolando a fita no mesmo sentido diagonal do começo, sempre bem apertadinha e cuidando para que não haja espaços mostrando a parte metálica da tiara. Tenha paciência que dá tudo certo 😉
  5. Enrole até a marcação feita com esmalte. Lá, cole a ponta com cola quente fazendo o mesmo acabamento do começo.
  6. Fica assim, lindinha, né?

PhotoGrid_1394539230207

  1. Sobre uma superfície, posicione a tiara e as flores, escolhendo como vai colocá-las. Marque com uma gotinha (pequena!) de esmalte). Não quis colar tantas, mas fica a seu critério, encher toda a parte dourada com várias ou espalhar uma quantidade menor, como eu fiz.
  2. Pingue a cola quente no lugar marcado… (juro que tem um pingo de cola nessa foto, hahaha!)
  3. E cole a florzinha. Eu quis colar assim, na diagonal, achei mais bonitinho, mas também fica a critério de quem faz 😛
  4. Repita a operação colando por toda a tiara onde você havia marcado.
  5. E fica assim! Colei também as estrelinhas de nail art, que você pode substituir por strass ou outras aplicações, ou até mesmo deixar só as flores.

E então, gostaram? Bem fácil, né? 😉

Dá pra fazer em cores mais suaves e usando arco menores pra crianças.

Curti muito essa vibe de rainha da primavera, e uma versão assim mais discreta é mais fácil de usar na rua sem parecer um cosplay da desafinada Lana Del Rey, hahaha!

220322_199414913434300_117713628271096_454128_5913635_o

Zuêras à parte, o look dela é bem conceitual e quase impraticável na vida real, principalmente no Brasil. As pessoas já me olham torto e me chamam de louca por ter uma parte do cabelo cabelo roxo, imagina o cabelo roxo e uma tiara de flores grande? Too much para as mentes conservadoras, hahaha! Mas o cabelo é meu e me divirto com ele, uso como gosto ♥ 🙂

De toda forma, se você tem uma festa à fantasia ou ocasião em que queira usar algo assim, pode aproveitar o DIY e fazer com flores maiores, ou encher de flores pequenas, vai do estilo e da intenção de cada um. O mais importante é se sentir bem usando e lembrar que você não precisa se vestir ou se arrumar pra agradar aos outros, e sim você mesma 😉 #desabafo

O grande barato é se divertir nas composições 😉

Se você quiser uma maquiagem pra combinar com essa vibe primaveril, aqui tem esse tutorial aqui que fiz pro outubro rosa e é bem fofo! 🙂

DSC00658

 

Espero que tenham gostado 😉 Beijos!

Shampoo radiant red colour protecting John Frieda

Shampoo radiant red colour protecting John Frieda


Hoje o post é de interesse extremo das ruivas! Tanto as naturais convencidas como eu, quanto as tingidas, sabem (as tingidas principalmente!) que é uma cor linda porém exige muitos cuidados. E não pensem que só porque não pinto de ruivo que a cor fica sempre bonita sem esforço algum! Pelo contrário. Meu cabelo é sensível, queima fácil com o sol e fica meio loiro estilo californianas, meio laranja. Nada contra, até curto muito, porque acho super diferente 😀 Mas é sempre bom ficar de olho e tratar com carinho, pra que ele não fique com aspecto manchado :/

IMG_20140211_090412

Esse shampoo ganhei de presente (thanks, Isa! :D) mas antes de ter o blog já havia comprado e usado ele e o condicionador e adorado ♥

Segundo consta na embalagem:

“Shampoo with enhanced anti-fading technology, gentle formula preserves vivid red colour and magnifies shine. Attracts light and amplifies tones to transform red hair.”

Tradução livre/tosca: “Shampoo com tecnologia anti-desbotamento reforçada, fórmula suave que preserva a cor vermelha vívida e amplia brilho. Atrai a luz e amplifica os tons para transformar o cabelo vermelho.”

Não sei como funciona essa questão do cabelo atrair a luz, mas com certeza aumenta o brilho. Não posso afirmar com certeza sobre a redução do desbotamento, mas posso dizer que limpa bem, embora tenha a fórmula suave. Acredito que deva desbotar menos que um shampoo normal, no caso do tingimento.

IMG_20140211_090513

Vejam só, o shampoo é do tipo transparente, que promove melhor limpeza, porém é pigmentado, tem um tom de vermelho translúcido. Essa cor não chega a interferir no tom dos cabelos (o meu é de tom acobreado, e não vermelho), mas acho que com o uso contínuo (principalmente do combo shampoo+condicionador) a cor ficou mais rica, um pouco mais viva e mais brilhante, sabe? Parecido com o efeito de um banho de brilho, mas sem alterar a cor ou o tom original.

Como não amar? ♥

PhotoGrid_1392163774694

Foto do rótulo, onde contém os ingredientes. E não, ele não é sem sal embora tenha a fórmula suave. Sinceramente, não notei ressecamento dos meus fios por conta disso.

Agora vem a parte ruim de tudo: não vende no Braseeel. Tipoassim: estou calejada de ir a farmácias e perfumarias (aqui de São Luís-MA), e até sites especializados, e ver as linhas Sheer Blonde, Go Blonder e Brilliant Brunette pra vender, enchendo as prateleiras (a preços abusivos, por sinal). Só nunca encontrei a linha pra ruivos. Qual é o preconceito problema? Antigamente algumas marcas mais acessíveis, como a Seda e a Palmolive tinham linhas para cabelos vermelhos naturais ou tingidos, e era só alegria, me sentia incluída no mercado capilar, sabe? Só que depois de alguns anos essas linhas simplesmente SUMIRAM e faz muito tempo que não surge algo bom no lugar. Só se vê linhas pra desamarelar loiro :/ Nada contra loiras, mas a indústria não anda sendo NADA democrática neste sentido #desabafo  Vocês ruivas também se sentem assim excluídas e carentes de linhas nacionais e BOAS? Acho que as acobreadas, principalmente 😥

Bom, agora que meu coraçãozinho está mais leve, fica a dica: quem for viajar pro exterior, aproveite e traga a muamba compre! 😉 Pra terem noção, custa R$8,24 no Amazon e com frete grátis! E aqui já vi produtos dessa linha sendo vendidos a R$70,00. Sem comentários…

Mais alguém já usou? Conhece o condicionador também? Sabe onde venda no Brasil? Quero saber nos comentários 😀

Inspirações: 5 maneiras de usar batom vermelho

Inspirações: 5 maneiras de usar batom vermelho


Quando eu estava na escola, lá pelo ensino médio, tinha uma professora de espanhol (beijos, Macarena! :D) que sempre usava batom vermelho. Era aula pela manhã, cedo, e lá estava ela com os lábios rubi. Achava o máximo, até porque ela segurava muito bem a cor, e até hoje quando me dá vontade de batom carmim me lembro dela, já que o principal mesmo é se sentir bem com o que se usa né?

E a verdade é que ainda há MUITAS mulheres que têm medo de batom vermelho. Estava neste grupo não faz muito tempo, porque a gente sempre tem uma série de complexos com a própria aparência, e no meu caso era ter a boca e os lábios muito grandes.

Como a mente humana é repleta de contradições, um dia me surpreendi admirando uma foto de ninguém menos que Angelina Jolie usando um batom super vermelho. Achei lindo, mas obviamente inatingível, até me dar conta que o que me fazia repelir o tal batom era justamente ter o bocão… Hahaha! Se Angelina, que tem 2x mais boca que eu usa e fica lindo, tratei de começar a ver a coisa com outros olhos 😛

Claro que a gente não começa usando aquele vermelho escandaloso numa boa, muito menos saindo com ele de casa de manhã cedo, hahaha! Mas pra você aí que acha que batom vermelho não fica bem, ou que só combina com delineado de gatinho preto, hoje vou mostrar algumas maneiras de inserir o dito cujo na rotina, seja com muito drama (para as mais ousadas) ou de um jeito mais básico 😉

fiquei namorando esse cabelo, e vocês?
fiquei namorando esse cabelo, e vocês?

1. Batom vermelho + pele leve

Eis o jeito mais fácil de combinar! É só escolher um tom que fique bem com sua cor de pele, e que você goste, e aplicar bem direitinho. De resto, uma pele levinha e um pouco de rímel completam com louvor. Blush, desde que muito leve e sobrancelhas em ordem são um belo plus. Um jeito clean e fresh de usar batom vermelho sem ficar over, nem muito dramático. Dá pra sair de dia tranquilamente, inclusive pra ocasiões bem informais, viu?

Pausa pra admirar essas sobrancelhas e esse cabelo. Que lindos!
Pausa pra admirar essas sobrancelhas e esse cabelo. Que lindos!

2. Batom vermelho + olhos levemente definidos + super cílios

Uma evolução do primeiro jeito, já é um pouco mais elaborado. Lápis e sombra no contorno dos olhos, pra marcar o formato, e muita máscara ou até postiços. A dica é usar marrom, taupe ou cinza para que o conjunto da make não fique muito pesado. Ou mesmo um lápis bege na linha d’água se seus olhos forem pequenos. Deixe o preto para os cílios. Um rubor de blush nas bochechas fica lindo, mas também não pese a mão. Pronta para uma situação mais arrumadinha durante o dia! Ou acrescente sombra bege clarinha cintilante na pálpebra e saia à noite arrasando. Bem clássico, mas não tem idade pra usar, fica bem em todas 🙂

m1

3. Batom vermelho ombré + delineado discreto

Essa foto é uma das minhas favoritas! O desfile de Jason Wu de 2013 trouxe as modelos assim, de pele feita, delineado fininho e sem gatinho, um pouco de rímel e todo o destque nos lábios: batom vermelho com ombré central mais claro. É um visual de passarela, mas perfeitamente adaptável para o dia a dia! É só escolher cores menos contrastantes.

Passe seu batom vermelho normalmente e depois, no centro, use outro de tom mais aberto, dando leves batidinhas. Pode ser feito também com um gloss ou pigmento mais claro. Atenção para o desenho dos lábios, que deve estar bem feito. Esse é inclusive um truque que dá mais volume para a região, e ilumina a maquiagem. Faça alguns testes combinando as cores, e descubra qual o seu combo favorito 😀

2

4. Batom vermelho + delineado colorido

Não dava pra deixar o delineado de fora, mas saia um pouco do preto! Batom vermelho fica lindo com traços em azul marinho, verde musgo, bronze e dourado. Pra quem quer sair ainda mais da zona de conforto, violeta, roxo, turquesa também formam combinações interessantes. Certeza de tirar o make da monotonia sem precisar de muito esforço!

9

5. Batom vermelho + esfumado poderoso

Nem só de esfumadinho marrom neutro vive a maquiagem com batom vermelho, e esse olhão azul está aí pra quem duvida. Para as mais corajosas ousadas, o esfumado azul, bem como os que são em tom de vinho, uva e verde e formam belos pares, apesar de pouco comuns. Essa foto é de make estilo editorial, mas nada impede que esse colorido seja num formato um pouco mais contido na pálpebra móvel e menos marcado para enfrentar a vida real.

Se você está querendo uma sugestão de maquiagem neutra pra usar com vermelho (ou outras cores diferentes), é só dar uma olhada nesse tutorial aqui, onde eu mostrei um passo a passo simples e bem coringa 😉

Gostaram? E então, quem vai desencostar o batom vermelho da coleção? Tirar o coitado da gaveta? 😛